Início > Futebol Sulamericano > Crise sem fim

Crise sem fim

O Boca joga mal, não se entende dentro e fora de campo, perde partidas pra times muito menores e ao que parece o cenário está bem longe de mudar.

E qual é o caminho para que os Xeneizes voltem a vencer? Bom, se eu soubesse não seria um blogueiro e sim um gênio do esporte. Mas o que eu posso observar é que os times grandes da Argentina enfrentam o mesmo problema. Boca e River Plate insistem em jogadores que, outrora foram grandes nomes do clube, mas que hoje não tem a menor condição de vestir o manto pesado dessas duas equipes.

Ninguém questiona o que representou para essas equipes jogadores como Ortega, Gallardo, Almeyda, Palermo, Ibarra, Riquelme, Abbondanzieri, Bataglia etc. Já deu pra esses caras. É hora de virar a página, contratar novos jogadores, dar chance as divisões de base. Manter jogadores que já foram de alto nível, mas que hoje não conseguem acompanhar a evolução da molecada é suicídio.

E bons jogadores na Argentina e na América Latina pra suprir o espaço que esses jogadores deixariam, não faltam. O próprio Boca tem o ótimo Viatri, que faz muito bem a função de Palermo. O Velez tem o meia Maxi Moralez, que ficou sem time no começo desse ano e nenhum dos grandes contratou. Manso, destaque da LDU, argentino, não teve sequer uma oportunidade nos grandes.

O primeiro passo para a recuperação, seria reformular completamente os elencos. Gente por aí que merece uma chance de mostrar qualidade, não falta.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: