Início > Brasil, Europa > Crise faz com que jogadores brasileiros voltem ao país

Crise faz com que jogadores brasileiros voltem ao país

São Paulo, 1 de Junho de 2010

Esse talvez tenha sido o mês mais importante da história recente dos clubes brasileiros. Liderados por Kaká e Julio Cesar, os jogadores do país do futebol tomaram uma decisão muito importante. Vão voltar ao Brasil em massa. A decisão começou a ser discutida em 2009 e por isso os jogadores não renovaram com os europeus.

Tudo começou no fim da temporada européia. Com a crise, os bancos passaram a cobrar na justiça os valores estratosféricos que os clubes do velho continente devem. Pra ser ter uma idéia, só os times ingleses devem mais de 4 bilhões de libras juntos. O Manchester conseguiu uma parceria. Divulgará a marca de uma grande empresa de refrigerantes, em troca do pagamento de parte da dívida. O Barcelona decidiu repassar um CT do clube para empresários franceses para pagar uma parte de sua dívida. Já o Chelsea de Abramovich deve ser vendido.

Percebendo que as coisas só devem piorar por lá, Kaká e Julio Cesar se uniram e conseguiram convencer outros 50 jogadores brasileiros a voltar ao Brasil para fortalecer o campeonato brasileiro. Os jogadores se reuniram com os dirigentes do Clube dos 13 e comunicaram a decisão, com a condição de que os clubes brasileiros se modernizem e paguem suas dívidas em um prazo máximo de 3 anos. O Clube dos 13, claro, aceitou as condições dos atletas.

Os benefícios vieram de imediato. O São Paulo, por exemplo, que negociava a renovação de seu contrato com a RBK por 15 milhões, já fez uma contra-proposta de 45 milhões a empresa. O diretor de marketing do tricolor, Julio Casares, já revelou que tem uma proposta oficial de Adidas de 43 milhões de reais. A RBK vai se pronunciar em breve. Já o Flamengo, negocia uma renovação com a Petrobrás por 30 milhões.

“Com a volta de tantos craques para o Brasil, o nosso campeonato será muito mais visto mundo afora e com isso os valores de patrocinio vão subir muito”, disse o diretor do São Paulo.

Já o presidente do Flamengo, Márcio Braga disse: “Com essa volta em massa, teremos mais dinheiro dos patrocinadores, que verão o Brasil como um mercado de retorno certo, além do aumento das cotas de TV. Nós vamos pagar os jogadores que estão voltando e também vamos quitar nossas dividas em poucos anos”.

Como será a volta dos jogadores?

Kaká e Julio César, apoiado pelos outros jogadores, decidiram que darão prioridade aos clubes que jogaram no Brasil. Caso não haja acordo, aí sim, os atletas procurarão outros caminhos.

Kaká já está praticamente certo com o SPFC, assim como Edu, Cicinho e Fábio Aurélio. O retorno de Julio Baptista e Fábio Simplício foi praticamente descartado pelo presidente Juvenal Juvencio, já que não houve acordo financeiro.

O Flamengo contratou o goleiro Julio Cesar e o zagueiro Juan. O Inter fechou com Lucio e Alexandre Pato, e já negocia com Julio Baptista e Daniel Alves, que não chegou a um acordo financeiro com o Bahia.

O Cruzeiro repatriou o atacante Guilherme e o avançado Fred. O Santos já anunciou Robinho, Diego, Elano e Renato. O Corinthians já chegou a um acordo com o atacante Ewerton, mas ele só deve se apresentar no inicio de 2011. Edu também voltou ao Parque São Jorge e deve assinar contrato ainda esse mês. Doni negocia com o Timão e William é nome certo.

O Palmeiras negocia com Vagner Love e Diego Cavalieri. O Grêmio praticamente sacramentou a volta de Ronaldinho Gaúcho e negocia com Anderson, que não fazia parte dos jogadores que voltariam ao Brasil, mas parece seduzido pelo novo mercado brasileiro. Thiago Neves e Marcelo voltarão ao Flu.

Kaká espera que a atitude dos brasileiros, incentivem jogadores da América Latina a fazerem o mesmo.

Os únicos clubes que devem sofrer com essa volta de jogadores, são os que não revelaram grandes jogadores nos ultimos anos. O Vasco, por exemplo, terá um time bem abaixo dos outros clubes, assim como Atlético Mineiro, o Paraná, o Goiás, o Barueri e o Santo André.

Alguns jogadores não quiseram voltar ao Brasil. Amauri, atacante da Juventus, declarou que fez toda sua carreira fora e não pretende voltar agora. Assim como Adriano, Maicon e Maxwel da Internazionale.

Questionado sobre uma possível volta ao Brasil, o lateral Rafinha do Shalke disse que não quer voltar ao Brasil por medo da insegurança. Naldo do Werder Bremem e Alex do Chelsea também não querem voltar por medo de sequestros e assaltos. O goleiro Gomes que joga no futebol Inglês disse que voltará ao Brasil quando seu contrato acabar, em 2013. Carlos Eduardo, que joga no futebol Alemão, disse que não quer voltar ao Brasil por estar muito feliz e adaptado na Alemanha.

O goleiro Julio Cesar declarou que espera que dentro de 5 anos, no máximo, o campeoanto brasileiro seja o melhor campeonato de futebol do mundo. Sobre os jogadores que não quiseram voltar, o goleiro disse que isso é natural e que espera que em alguns anos eles mudem de idéia.

Anúncios
Categorias:Brasil, Europa Tags:, ,
  1. 12/02/2009 às 6:17 pm

    Esta informação vem diretamente dos jogadores?
    Se isto realmente acontecer será maravilhoso para o futebol brasileiro…
    Menos para os pernas de paus por aí…

    • Lubes Junior
      12/02/2009 às 8:47 pm

      Douglas, logicamente é uma brincadeira… tanto é que no início do texto, eu coloco a data de 1 da Junho de 2010, ou seja, daqui um ano e meio…

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      mas realmente seria lindo…

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: